Blog do Onyx

Liberdade | Democracia

#Educação pressiona #inflação

leave a comment »

Não tem como não se perguntar: mas por que este governo NÃO DÁ UM JEITO NA EDUCAÇÃO??? Será que a nossa atual presidenta foi estudanta? Por que tributamos mais o material escolar do que os carros? Longe das teorias da conspiração, pensar que existem ministros que maquiam currículos para parecerem mais "formados" em um governo que valoriza português errado em detrimento do certo, em um país de 5500 municípios onde só 35 deles tem estudantes que sabem matemática, é perceber que existe todo um contexto de DESQUALIFICAÇÃO EDUCACIONAL. Como dirigentes que nunca valorizaram em suas vidas a educação irão fazê-lo a frente de cargos do governo? A baixíssima valorização da educação no Brasil pode refletir a falta dela nos meios políticos. A charge acima é do tempo em que Lula assumia o segundo mandato, triste realidade. PISO JÁ! EDUCAÇÃO DE QUALIDADE!

Educação pressiona inflação pelo IPC-S na primeira prévia do mês

O principal responsável pelo IPC-S da primeira prévia de janeiro (alta de 0,46%) foi o grupo Educação, Leitura e Recreação, que registrou alta de preços de 2,72%, contribuindo com 0,21 ponto porcentual para a formação do resultado geral. Na divulgação anterior do IPC-S, o grupo havia subido 4,90%.

De acordo com a FGV, dentro de Educação, Leitura e Recreação, o item cursos formais (de 8,16% para 5,37%), apesar da desaceleração, ainda é influenciado pelo aumento das mensalidades escolares verificado nomes de janeiro.

Transportes (de 0,86% para 0,46%), Habitação (de 0,33% para 0,27%), Alimentação (de 0,47% para 0,24%) e Saúde e Cuidados Pessoais (de 0,44% para 0,33%) também registraram desaceleração em suas taxas de inflação, do fim de janeiro para a primeira prévia de fevereiro. Nestes casos, as principais influências positivas foram, respectivamente, de tarifa de ônibus urbano (2,47%), aluguel residencial (0,61%), refeição em bares e restaurantes (0,37%) e salão de beleza (0,94%). O grupo Vestuário, por sua vez, aprofundou a deflação (de -0,35% para -0,53%).

A classe Despesas Diversas foi a única que apontou aceleração de preços no período, de 0,46% para 0,57%, ainda sobre a influência do reajuste do item cartório, de 4,93%.

No IPC-S divulgado hoje, feito sob a nova estrutura de ponderação estimada a partir da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2008/2009, realizada pelo IBGE, a novidade é o grupo Comunicação, que apresentou alta de 0,38% na primeira prévia de fevereiro.

Autor: Agência Estado
Fonte: http://jcrs.uol.com.br/site/noticia.php?codn=86034

Anúncios

Written by onyxlorenzoni

fevereiro 8, 2012 às 5:08 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: