Blog do Onyx

Liberdade | Democracia

Explica #Mercadante: por que nossas metas para educação estão TÃO LONGE!

leave a comment »

O desenvolvimento dos tigres asiáticos sempre esteve ligado ao incentivo a educação. Ou o Brasil qualifica sua educação ou teremos um país de operadores de máquinas que não sabemos construir. Hoje a realidade não está muito longe disto. Grandes empresas que dependem de alta tecnologia já importam profissionais de desenvolvimento tecnológico. No Rio Grande do Sul não estamos em uma situação diferente, existe muito pouca pesquisa voltada para desenvolver soluções tecnológicas para problemas recorrentes como a seca e técnicas de irrigação de baixo custo e consumo de energia. Os números de nossa educação explicam uma parte da nossa dependência tecnológica, desde a pré-escola já somos negligentes, das 6427 creches prometidas por Dilma, nenhuma saiu do papel, há poucas semanas Mercadante veio a público mostrar que a verba para a construção já estava destinada, mas não saiu disso, do papel. Dilma cortou verbas da pesquisa científica, e é muito pouco provável que consiga mandar os 75 mil alunos de graduação para estudos fora do país. O (Des)Governo Dilma sabe mesmo é falar de um Brasil irreal, de desenvolvimento pujante que só existe em suas planilhas. (Charge: blogdamartabellini.blogspot.com)

MEC está longe da meta de levar 75 mil estudantes para o exterior até 2015

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, anunciou ontem um balanço parcial do programa Ciência Sem Fronteiras, principal aposta da presidente Dilma Rousseff para a formação de pesquisadores e para o aprimoramento da formação de estudantes de ciências exatas. Apesar do entusiasmo do titular da pasta, a iniciativa não apresenta bons resultados. Das 75 mil bolsas de estudo que o governo federal se comprometeu a oferecer até 2015, somente 3.897 foram implementadas até o momento. De acordo com o MEC, porém, outras 10.979 vagas foram confirmadas até o fim deste ano. O ministério, inclusive, estendeu a meta global de distribuição de bolsas, inicialmente prevista para ser atingida em 2014.

A primeira seleção do Ciência Sem Fronteiras foi aberta em agosto do ano passado e ofereceu vagas em instituições de ensino superior nos Estados Unidos, no Reino Unido, na França, na Itália e na Alemanha. O segundo edital, disponível para os alunos interessados, inclui vagas na Austrália, na Bélgica, na Holanda, no Canadá, na Coreia do Sul, na Espanha e em Portugal. As inscrições estão abertas até 30 de abril, no site http://www.ciencia semfronteiras.gov.br/web/csf.

Autor: Agência Brasil
Fonte: http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/brasil/2012/04/05/interna_brasil,296548/mec-esta-longe-da-meta-de-levar-75-mil-estudantes-para-o-exterior-ate-2015.shtml

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: