Blog do Onyx

Liberdade | Democracia

#MARACUTAIA #Ministra Belchior, e a #Delta? – Pergunta pra ela!

leave a comment »

A ministra Belchior se comporta com arrogância monárquica. Ela não vê obrigação alguma de dar explicações sobre irregularidades envolvendo seu ministério. Ela se comporta como quem não sabe da situação; e, como “não sabe de nada” não ve “problema”. Como ela (só ela) ainda NÃO vê problemas, NÃO tem explicações para dar. É a tática da avestruz, que enterra a cabeça para fugir dos problemas. Esta é a típica ESTRATÉGIA DO ABAFÃO que o PT usou em todos os casos de ministros envolvidos com denúncias, primeiro finge que a denúncia NÃO EXISTE, depois diz que TUDO VAI SER APURADO, passados alguns dias surge algum LARANJA de baixo escalão que acaba sendo responsabilizado. E os verdadeiros mandantes dos crimes? Se tiverem carteirinha do PT ficam impunes até sei lá quando. ISTO É UMA VERGONHA, É TRATAR A POPULAÇÃO COM DESRESPEITO E NÃO RESPEITAR SEU CARGO DE MINISTRO. Agora, via MP, o governo quer tramitar, por contrabando, a RDC – Regime Diferenciado de Contratação – leia-se LICITAÇÃO SIGILOSA. Esta maravilha da falta de transparência foi inventada para “acelerar, leia-se “encarecer”, as obras da Copa. O governo gostou tanto que quer fazer isto para TODAS as obras do PAC, ESTE GOVERNO É UM DESCALABRO. (Charge: prosaepolitica.com.br)

Ministra evita comentar destino da Delta no PAC

A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, ironizou hoje a situação da empresa Delta, pivô do escândalo envolvendo as conexões do contraventor Carlinhos Cachoeira – e que comanda uma série de obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Ao lado da presidente Dilma Rousseff, Miriam participou da abertura da 15ª Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, em um hotel de luxo da capital. Questionada pelo Grupo Estado se a Delta continuaria com as obras, caso seja declarada inidônea no processo instaurado pela Controladoria-Geral da União (CGU), Miriam respondeu: “Pergunta para ela”. Confrontada novamente com a pergunta, acrescentou: “Quando for declarada inidônea, a gente conversa. Quando houver o problema, a gente se posiciona”.

Para o ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, existe sempre uma preocupação quando surgem problemas com empreiteiras.

Em entrevista ao jornal O Estado de S.Paulo publicada no último domingo, o ministro-chefe da CGU, Jorge Hage, sinalizou que a Delta poderia continuar com as obras, caso estejam em estágio avançado. Segundo ele, os contratos de uma empresa considerada inidônea não são rompidos automaticamente e dependem ainda de avaliação de gestor público competente.

Autora: TÂNIA MONTEIRO E RAFAEL MORAES MOURA – Agência Estado
Fonte: http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,ministra-evita-comentar-destino-da-delta-no-pac,873299,0.htm

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: