Blog do Onyx

Liberdade | Democracia

Dia do Contribuinte ou o dia da “alforria” dos impostos

leave a comment »

O IMPÉRIO DO ABUSO AO CONTRIBUINTE
Brasil é o campeão mundial de opressão fiscal de seus cidadãos. Além da pesada carga, muito acima de todos os BRICS, os quase 40% do PIB retirados da economia brasileira pelos impostos tem um retorno muito tímido para os contribuintes. Todos os meses o governo bate recordes de arrecadação, em abril a arrecadação subiu perto de 6% acima da inflação, em termos reais, descontada a inflação. Os brasileiros continuam sendo os que mais trabalham no mundo para dar contra da burocracia fiscal, são 2600 horas por ano, de acordo com o Banco Mundial, quando a média é de 200 horas por ano. O Brasil é seguido de perto pela Bolívia, que consome 1080 horas de trabalho de seus contribuintes por ano, o Barein é um dos que menos toma tempo dos contribuintes, 36 horas por ano. No país do governo que diz querer o fim da miséria os pobres pagam mais impostos que os ricos, pois todos os itens de primeira necessidade são altamente tributados; remédios, a cesta básica, material escolar, transporte, energia e telefonia; todos estes itens representam uma larga fatia das despesas dos que tem baixa renda. 40% no valor pago pela cesta básica é composto de impostos, e alguns itens podem chegar a 60%, como laticínios. Os 86 impostos brasileiros não têm transparência na sua arrecadação e muito pouco no seu uso, o que é terreno fértil para o desvio com a corrupção. Para agravar ainda mais esta situação existe uma inversão na relação arrecadatória entre municípios, estados e a União Federal, que rompe com o pacto federativo. Os municípios tem responsabilidades muito onerosas sobre a urbanização, saneamento básico, educação fundamental e saúde, entretanto ficam com a menor fatia dos impostos, perto de 10% ou menos, enquanto os Estados ficam com 25% e a maior fatia dos impostos fica com a União Federal, que é arrecadadora da maioria dos tributos da longa lista de 86 impostos brasileiros; este é um dos motivos mais fortes para as vaias dos prefeitos a “presidenta coniventa” Dilma, que está mais para imperatriz dos impostos do que para faxineira. Dilma prometeu em sua campanha REFORMA TRIBUTÁRIA, que também foi prometida por Lula, nas duas companhas, até hoje NADA, só aumento real da arrecadação e muitas obras paralisadas, saúde precária, polícias e escolas sucateadas. Até o dia 25 de maio, na média, todos trabalhamos somente para pagar impostos, todo seu esforço até hoje, quase metado do ano, foi tomado pelo governo através de impostos, isto não seria um tipo de escravidão pós moderna? O Estado brasileiro é dono do ar, do mar, do subsolo, do solo e do trabalho das pessoas, este estado tem uma vocação histórica para a tirania, o nosso “dia do contribuinte” é na verdade o dia da alforria dos impostos, a partir de hoje o suor do seu rosto é seu, de acordo com as leis do império do abuso ao cidadão contribuinte.

Gasolina a R$ 1,59 faz motoristas formarem fila na Capital

Ação tenta mostrar ao consumidor a alta carga tributária paga pelos brasileiros

Em busca de gasolina mais barata, cerca de 30 motoristas entraram na fila na manhã desta sexta-feira para abastecer. Com o combustível vendido a R$ 1,59 o litro, descontados 45% em tributos, percentual calculado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT). O preço da gasolina com os impostos é de cerca de R$ 2,89.

Moradores da Capital fazem fila para abastecer o carro a R$ 1,59 Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

A ação do Dia da Liberdade de Impostos organizada, em Porto Alegre, pela Instituto Liberdade (IL) e pela Associação da Classe Média (ACLAME), com o apoio do Instituto de Estudos Empresariais (IEE), da Organização Ordem Livre e da CDL, tem como objetivo chamar a atenção da população para a alta carga tributária que incide em todos os produtos que consumimos.

Mesmo antes do início do abastecimento, às 10h da manhã, motoristas já formava fila à espera da economia. É o caso do eletricista Jorge Oliveira, que estava passando pelo posto da promoção, na Rua Prof. Cristiano Fischer, e conseguiu uma das últimas senhas.

– Esperar uma ou duas horas na fila para abastecer vale a economia. Se o combustível diminuísse a esse preço, os produtos que compramos também sairiam mais baratos, porque, além de impostos, o custo do transporte encarece tudo – avalia Oliveira.

Cada carro poderá abastecer 20 litros do combustível ao preço reduzido. Ao todo, 5 mil litros de gasolina serão vendidos a R$ 1,59.

Fonte:http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/economia/noticia/2012/05/gasolina-a-r-1-59-faz-motoristas-formarem-fila-na-capital-3769692.html

Fonte:http://www.doingbusiness.org/data/exploretopics/paying-taxes

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: