Blog do Onyx

Liberdade | Democracia

#CPI: Parece que não tem só o laranjal do #Cachoeira. Tem também o do Sr. Walter @portalR7 @r7_com

leave a comment »

A quase totalidade dos membros da CPI do Cachoeira é unânime em afirmar que o depoimento do empresário Walter Paulo Santiago agrava a situação do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB). Ele é apontado pela Polícia Federal como intermediário na compra da casa do governador pelo bicheiro Carlinhos Cachoeira.

Em depoimento à CPI na tarde desta terça-feira (5), Santiago afirmou que pagou R$ 1,4 milhão pela casa do governador em dinheiro, à vista. No entanto, Perillo já havia afirmado por meio de nota que o pagamento foi feito por meio de três cheques. Essa casa, localizada no condomínio de luxo Alphaville, estava sendo utilizada por Cachoeira.

O presidente em exercício da CPI, Paulo Teixeira (PT-SP), afirma que Perillo terá de se explicar.

— Esse depoimento complica a situação de Perillo na venda dessa casa. Em relação à quebra de sigilo [do governador], o depoimento pode ser votado em qualquer tempo. Mas eu não queria transformar a reunião de hoje em reunião administrativa. Vamos esperar o retorno do presidente Vital do Rêgo.

O deputado Miro Teixeira (PDT-RJ) também comentou que o governador de Goiás terá dificuldades em dar explicações.

— Seguramente, Perillo vai chegar aqui e manter a mesma versão dos três cheques.

Sessão da CPMI em que o Prof. Walter Paulo Santiago fala sobre a empresa MESTRA e suas operações. (Foto: Sidney Lins)

Membro da oposição, o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) fez coro aos demais parlamentares.

Walter disse que comprou a casa com maços de notas. De maneira muito objetiva, parece que não tem só o laranjal do Cachoeira. Tem também o do Sr. Walter. A situação é contraditória.

Colega de partido de Perillo, o senador Álvaro Dias (PSDB-PR) tentou amenizar a situação.

— A situação não complica, nem descomplica. Isso é uma questão de interpretação. Temos que ouvir o governador. Desde o primeiro momento pedimos explicações a Perillo, não fomos nós que adiamos o depoimento.

O relator da CPI, Odair Cunha, também ressalta a contradição do depoimento com as afirmações de Marconi Perillo.

— A verdade é simples, a mentira é confusa. Tivemos aqui um aprofundamento das contradições. Esse depoimento complica [a situação de Perillo] na medida em que ele contradiz de maneira explícita o governador. Perillo disse que recebeu três cheques e Walter, que pagou em dinheiro. Alguém está mentindo.

O governador de Goiás vai prestar depoimento à CPI do Cachoeira na próxima terça-feira (12).

Fonte: http://noticias.r7.com/brasil/noticias/declaracoes-de-empresario-complicam-situacaode-perillo-defendem-parlamentares-20120605.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: