Blog do Onyx

Liberdade | Democracia

Primavera Latino Americana: reação contra a falta de democracia se alastra e vai para as ruas de capitais. @VEJA

leave a comment »

Espero que estejamos vendo o surgir de uma “primavera Latino Americana”.  Recentes manifestações em Caracas e na Cidade do México  levaram as ruas dezenas de milhares de pessoas querendo mais democracia, eleições livres e liberdade de imprensa. Está na hora da sociedade reagir contra a ostensiva dilapidação da democracia que se conquistou a duras penas na América Latina. Desrespeitar a independência dos três poderes, as regras eleitorais, a transparência e independência das sociedades anônimas, dos fundos de pensão, da previdência, das agências reguladoras, inchar o Estado com funcionários indicados por partidos políticos, associar-se a criminosos e narcotraficantes e fazer tráfico de influências estão entre as práticas que se tornaram comuns em governos latino americanos que se dizem “pelo povo e contra o capital”. O populismo esquerdista está vendo o prenúncio de  seu fim na América Latina. Os brasileiros também tem ido às ruas contra a corrupção e a falta de moralidade de representantes eleitos, mas ainda estamos tímidos. Temos que renovar nossas esperanças na democracia, no respeito as leis como único caminho para que uma sociedade se torne mais justa, igualitária e democrática. Não é verdade que o Brasil está destinado a conviver com a corrupção, a falta de vagas em hospitais e escolas e o sucateamento da segurança pública. Outros países Sul Americanos com estes problemas os superaram e hoje tem cidades seguras e limpas e segurança para seus moradores. É notório que países sul americanos que se livraram do populismo de esquerda estão melhores que o Brasil em áreas como saneamento, educação e segurança, Colombia e Chile são bons exemplos disso. Santiago do Chile está entre as cidades mais limpas do mundo e foi eleita como o destino turístico número um em 2011 pelo jornal “The New York Times”, Santiago se difere de qualquer outra capital. Não estranhe se você ver carros parando no meio das avenidas para os pedestres atravessarem. Outrora super violenta Cali na Colômbia passou por um dos mais bem articulados processos para tornar a cidade segura, hoje não tem nada mais a ver com a antiga pecha de capital do narcotráfico, tem segurança para seus moradores. (Foto: Hector Guerrero/AFP)

90 mil vão às ruas contra favorito nas eleições do México

Organizada pelo movimento #Yosoy132, manifestação contra Enrique Peña Nieto, do Partido Revolucionário Institucional (PRI), ocorreu antes de debate

Mais de 90 mil pessoas protestaram neste domingo na Cidade do México contra Enrique Peña Nieto, do Partido Revolucionário Institucional (PRI), o candidato apontado pelas pesquisas como favorito nas eleições presidenciais mexicanas. O protesto foi organizado pelo movimento estudantil #Yosoy132 e ocorreu antes do segundo debate eleitoral da campanha, realizado entre o fim de noite deste domingo e o início da madrugada desta segunda-feira (horário de Brasília).

Protesto em Caracas contra Hugo Chavez e sua ditadura populista leva dezenas de milhares as ruas neste fim de semana. Adelante Venezuela!

Jovens de várias universidades do país, públicas e privadas, assim como organizações da sociedade civil, tomaram a avenida Reforma, a principal da Cidade do México, vindos do Zócalo – o coração da capital mexicana. A estimativa do número de participantes é da Secretaria de Segurança Pública da capital. “Aqui se vê que Peña não vai ser (presidente)”, gritavam os manifestantes, ao se concentrarem gradativamente no monumento do Anjo da Independência.

O movimento #Yosoy132 surgiu em 11 de maio, na Universidade Ibero-americana, uma das mais exclusivas do México, onde Peña Nieto foi vaiado por estudantes e teve que sair em meio a gritos. Após o episódio, o PRI alegou que as vaias haviam sido orquestradas pelos partidos adversários e o protesto não envolvia estudantes de verdade. Em seguida, 131 alunos da universidade colocaram um vídeo no Youtube exibindo suas identidades estudantis – o nome do movimento, “Eu sou 132” em português, foi originado dessa forma.

Pesquisas – Peña Nieto chegou ao debate presidencial desta noite com 43,6% da preferência dos mexicanos, segundo a última pesquisa da empresa Mitofsky. Depois aparecem Andrés Manuel López Obrador, que reúne os partidos de esquerda no Movimento Progressista, com 29,2%; Josefina Vázquez Mota, do oficial Partido Ação Nacional (PAN), com 25,3%; e Gabriel Quadri, da Nova Aliança, com 1,9%.

O protesto, que faz parte de uma crescente onda de descontentamento social no país frente às eleições presidenciais de 1º de julho, mostrou sua clara desaprovação ao PRI, que governou por 71 anos. Os manifestantes ganharam força após a imprensa local denunciar um suposto esquema midiático para favorecer Peña Nieto na televisão.

(Com agência France-Presse)

Fonte: http://veja.abril.com.br/noticia/internacional/90-mil-vao-as-ruas-contra-favorito-nas-eleicoes-do-mexico–2

Santiago é a capital e a maior cidade do Chile, fica aos pés da Cordilheira dos Andes e é uma das cidades mais modernas da América do Sul. Uma cidade limpa, organizada, agradável que respira modernidade e nos faz sentir em um outro mundo, principalmente para os brasileiros. (Foto: /www.demochila.com.br)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: